EIC
Capotao

Pesquisar



29 de novembro de 2021

Iniciativa posta em prática em novembro nas audiências que ocorrem no Centro Judiciário de Solução de Conflitos (Cejusc) de Pau dos Ferros vem resultando no aumento de acordos em diversos processos que tramitam naquela comarca do Alto Oeste do Rio Grande do Norte. Trata-se de um roteiro elaborado pela equipe de conciliadores e mediadores do Centro e que auxilia esses profissionais nas audiências judiciais.

José Alexivando Alves Maia, supervisor do Cejusc de Pau dos Ferros e idealizador do roteiro, explicou que a sua confecção visou auxiliar os conciliadores e mediadores na condução das audiências nos Cejuscs. Segundo ele, trata-se de um misto de técnicas de conciliação e de mediação vistas no curso de formação que foi ofertado há alguns anos pelo Núcleo Permanente de Métodos Consensuais de Solução de Conflitos (Nupemec), do TJRN, aliado à experiência prática dos profissionais vivenciadas no dia a dia na mediação e na conciliação.

Técnicas

O conciliador enfatiza que a ideia surgiu da necessidade de relembrar a teoria e as técnicas apreendidas no curso de mediação e conciliação ofertado pelo Nupemec. “É preciso que a gente possa estar sempre lembrando da técnica para melhor aplicá-la e aliar a teoria com a prática. Por isso pensamos em fazer uma espécie de roteiro que pudesse nos ajudar e que, eventualmente, possa ajudar os demais colegas de outros Cejuscs”, afirma Alexivando Maia.

“Eu sempre costumo dizer que conciliar e mediar é utilizar técnicas, que são as mesmas utilizadas para melhorar as vendas, por exemplo, ou utilizadas em curso de oratória para falar em público. No roteiro estão enumeradas algumas. Muito das vezes é preciso sentir como a coisa funciona na prática e às vezes você utiliza algum procedimento prático que a gente percebe que ajuda muito na concretização de uma composição e de um acordo”, explica o supervisor.

Ele contou que em meados deste mês, foi feito um aprimoramento, o que fez com que o roteiro fosse adotado para a Semana Nacional de Conciliação, já que a iniciativa já vinha sendo adotada nas audiências. Resultado: alcance de 64% de taxa de acordos celebrados em 14 audiências de família realizadas na comarca de Pau de Ferros. Se comparado com a média de 25% de acordos alcançados pelo 1º grau da Justiça Comum, na fase de conhecimento, o índice obtido com o uso do roteiro na comarca representa um crescimento percentual significativo.

Alexivando Maia disse, ainda, que após compartilhar o roteiro com os colegas, a recepção foi muito positiva. “Tem ajudado bastante no trabalho dos conciliadores em Pau dos Ferros, especialmente em audiências na área de família, onde os ânimos podem ficar exaltados, com sentimentos como raiva, decepção. Então é importante seguir o roteiro, porque se não as coisas desandam”, conta, revelando que a aplicação das técnicas corretas pelo conciliador consegue proporcionar a convergência entre as pessoas nessas situações.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blog do Capote - Rio Grande do Norte - Todos os Direitos Reservados.