Capotao
EIC

Pesquisar



14 de novembro de 2020

Notícias chegadas lá do município de Marcelino Vieira, aqui na região do Alto Oeste potiguar, que possui, segundo o IBGE, uma população estimada em 8.495 habitantes, o chicote da prepotência, arrogância e falta do tratamento de gente como gente, está comendo solto.

KERLES Jácome (não sei onde seus pais arranjaram esse nome feio, que só ele), o famoso ‘’BABAU’, está perseguindo TODOS os que não votam no seu projeto de reeleição. Por saber que vai perder o pleito, pois as chances são mínimas, está apelando e se comportando como um ditador na Terra do Padroeiro Santo Antônio. Age como um louco, psicopata.

Ei, cidadão, tome chá de camomila. Acalme os nervos. Com um bocado de arrobas, poderá ‘sentir um troço’, como dizia minha avó, de saudosa memória.  

Ainda, segundo informações, ele, apesar de ter recebido RIOS DE DINHEIRO do Governo Federal, não executou uma obra. Já na saúde, esta é de fazer pena e dó! Os pacientes precisam esperar a vida de um urubu pra ter um exame ou outro procedimento médico autorizado. É um absurdo. Tem paciente esperando 2 anos por um atendimento básico.

Quando Iramar Oliveira foi prefeito, ele construiu mais de 500 casas e outra carrada de obras, além de atuar, com afinco e dedicação, em todas as áreas da administração pública. O atual gestor, com verba da Funasa, era pra ter construído 11 unidades habitacionais. Em 3 anos e 10 meses, só fez 10. E dizem que o serviço é tipo SONRISAL. Poderá desmanchar na primeira chuva.

E tem mais. Também soube que a valorização dos professores foi pro beleléu. Um Plano de Cargos e Carreiras da categoria, criado por Iramar Oliveira, ex-prefeito, não foi respeitado, nem cumprido pelo KERLES, que se diz gestor.     

Na verdade, para encurtar a história, Marcelino Vieira está entregue às baratas. É uma cidade acéfala. Falta comando. Parece que existe por lá um pastorador da Prefeitura. Inexiste um comando; um líder, alguém que faça acontecer.

As eleições acontecerão amanhã, 15. O povo da ‘Terra da Vitória’ terá a chance de mudar esse quadro sombrio votando em Tâmisa Oliveira e Roberta Fernandes.

“No fim, é sempre assim. Tudo que for bom, verdadeiro, tudo o que realmente nos fizer bem, permanece.

(Tati Bernardi)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blog do Capote - Rio Grande do Norte - Todos os Direitos Reservados.