EIC
Capotao

Pesquisar



24 de setembro de 2020

Notícias chegadas à nossa redação dão conta que o ex-prefeito de Pau dos Ferros, Nilton Figueiredo (PL), NÃO CONSEGUIU REGISTRAR seu nome, perante a Justiça Eleitoral, para disputar a chefia do executivo da ‘Terra dos Vaqueiros Bravios’ nas eleições que se aproximam. Ele Jogou a toalha e pinotou fora.

Para mim, não foi nenhum novidade. Faz tempo que canto essa bola. Acontece que o “homem que caiu do céu” engoliu corda, feito cacimbão, e insistiu numa candidatura natimorta e levou consigo, pra mesma vala comum, os partidos aliados: PSD, PT e PC do B.

Possivelmente, NÃO CONSEGUIU EMITIR CERTIDÃO NEGATIVA DE SEGUNDO GRAU, em Recife, Pernambuco, em decorrência de condenações por improbidade administrativa, e, ainda, por condenações transitadas em julgado pelo Tribunal de Contas da União.

Já escrevi aqui e reitero. Não sei o porquê dele ter insistido tanto num projeto que, igual a relógio parado, não adiantou nada, assim como sua teimosia e a venda de ilusões, que mais atrapalhou  do que ajudou. Parece que o ‘EUÍSMO’ sempre falou mais alto do que a razão nesse cidadão que só pensa nele e, depois dele, ele de novo. Ponto.  

Confesso que considero essa atitude insana um estelionato eleitoral antecipado, uma enganação, um ‘me engana que eu gosto’ aos seus eleitores – e até de quem não o é – haja vista que a postulação, usando um termo da moda, sempre foi FAKE. 

Pois é . . .

Sem conseguir registrar seu nome, a candidatura de Nilton Figueiredo, de 65 anos, foi pro espaço, sumiu feito acetona, e, com isso, confirmou minhas postagens feitas, dias desses, nas quais escrevi que a pretensão era igual à  ‘Viúva Porcina’, da novela Roque Santeiro, ‘que foi sem ter sido’.

Tenho dito!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blog do Capote - Rio Grande do Norte - Todos os Direitos Reservados.