Capotao
EIC

Pesquisar



20 de maio de 2020

Durante a sessão ordinária desta quarta-feira (20), realizada por Sistema de Deliberação Remota (SDR), no horário destinado às lideranças, os parlamentares levantaram temas, como a aprovação do Projeto de Lei que suspende por 180 dias os consignados de servidores estaduais; recursos federais recebidos do Governo Federal para a área da Saúde; e continuidade da CPI da Arena das Dunas.

O deputado Dr. Bernardo (Avante) falou da importância do Projeto de Lei, aprovado na sessão, acerca dos consignados dos servidores públicos estaduais. “Os servidores públicos ainda são menos prejudicados, porque estão recebendo seus salários, mesmo que com atrasos. Mas tem uma classe nesse País que não tem dado sua contribuição para minimizar os efeitos da Covid-19, que é o setor bancário. Essa área não tem prejuízos, pois até em períodos de crise seus lucros aumentam. Então chegou a hora de ajudar a sociedade potiguar”, justificou.

Para Dr. Bernardo, os parlamentares têm que buscar meios legais para ajudar os servidores públicos, já que dispõem de ferramentas para mitigar os efeitos da pandemia.

Em seguida, Coronel Azevedo (PSC) agradeceu a todos pela aprovação do projeto de sua autoria que suspende, por 180 dias, os empréstimos consignados de servidores ativos, inativos e pensionistas do Rio Grande do Norte. “O colega Dr. Bernardo destacou bem. Os bancos não estão enfrentando dificuldade nenhuma. E o servidor não vai deixar de pagar essas parcelas, eles só vão adiar. Além disso, não é obrigatório, é só para quem quiser. E nós tratamos apenas sobre a relação do Governo do Estado com os bancos; não interferimos na competência da União”, explicou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blog do Capote - Rio Grande do Norte - Todos os Direitos Reservados.