EIC
Capotao

Pesquisar



12 de março de 2020

Inaugurada na última segunda-feira (9), a Central de Flagrantes da comarca de Mossoró funciona de segunda a sexta-feira, com a realização de audiências de custódia e análises de flagrantes. As audiências ocorrem às segundas, quartas e sextas-feiras e as análises nas terças e quintas. A coordenadora da unidade, juíza Andressa Luara Fernandes (no centro da foto), salienta que a Central abrange 13 comarcas responsáveis por 35 municípios.

Dotada de gabinete do magistrado, sala de audiências e outra para que a pessoa detida possa conversar com seu advogado ou defensor público, a Central de Flagrantes de Mossoró realizou as primeiras audiências de custódia logo no dia inicial, com duas sessões do tipo. Na terça-feira, dois flagrantes foram apreciados.

A juíza Andressa Fernandes, nesta semana de começo dos trabalhos, além de coordenar a unidade também está à frente dos casos. “A escala até o final do ano está pronta, com 22 magistrados”, ressalta. Cada juiz atuará durante o período de uma semana.

O revezamento do Ministério Público também já foi elaborado, de acordo com a juíza. O promotor Guglielmo Marconi Soares de Castro atua durante a primeira semana. No dia 9, a defensora pública Hissa Cristiany Gurgel da Nóbrega Pereira atuou na defesa dos indivíduos apresentados em audiência.

Em 9 de março, à noite, no mesmo dia da unidade mossoroense, foi instalada a de Pau dos Ferros (foto acima), no Fórum Municipal Jaime Jenner de Aquino, tendo à frente o juiz Osvaldo Cândido de Lima Júnior.

E a capital ganha sua segunda central em 19 de março, às 9h. Esta também funcionará no Anexo Judiciário da Ribeira (antigo Grande Hotel). O coordenador desta unidade será o juiz Michel Mascarenhas. A primeira central é coordenada pelo juiz Diego Dantas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blog do Capote - Rio Grande do Norte - Todos os Direitos Reservados.