EIC
Capotao

Pesquisar



11 de outubro de 2018

Dando uma espiada no Diário Oficial do Município de Pau dos Ferros, edição da última terça-feira, 09 de outubro, e me deparei com a Portaria 093/18 exonerando JOSÉ EDIELSON DO REGO do cargo, em comissão, de Gerente do Escritório de Representação, ligado à Secretaria de Governo.

No DOM também veio a Portaria 094/18 mandando JERÔNIMO FREIRE VIDAL (‘Jiron’) pegar o beco do cargo, em comissão, de Coordenador de Lazer  da Secretaria de Esportes e Lazer.

Segundo informações, o prefeito perseguidor, Leonardo Rêgo (DEM), não gostou do fato de que os dois aliados não rezaram na sua cartilha na eleição de domingo, 07. O filho de Getúlio Rêgo, que gosta de ameaçar blogueiro, sapecou a caneta cheia de tinta e mandou a dupla pra casa.

Nos últimos meses, Leonardo Rêgo, que se acha o dono mundo, já tinha arengado com os Vereadores Renato Alves (DEM) e Gugu Bessa (DEM) por não dobrarem a espinha aos seus caprichos políticos e prepotência.

Com essas baixas, tudo leva a crer que ele deverá sofrer uma surra conversada de votos, em 2020, quando disputará a reeleição.

Na verdade, o desespero de Leonardo é por que,  a partir do próximo ano, vai ficar sem Senadores, deputados federais, Governo do Estado e Presidente da República. É peia muita!

Ele está no mato sem cachorro. ‘Se correr, o bicho pega. E se ficar, o bicho come!’

2 respostas para “Pau dos Ferros-RN: Prefeito Leonardo Rêgo exonera dois aliados por perseguição política”

  1. edielson rego disse:

    Partido Comunista do Brasil – Comissão Provisória Municipal de Pau dos Ferros
    NOTA DO PCdoB – PAU DOS FERROS
    O PCdoB de nosso município sempre se pautou em defender uma gestão para Pau dos Ferros baseado num programa que conseguisse atender as demandas populares, em especial a saúde pública, como também superar os obstáculos estruturais que impedem o desenvolvimento de nossas potencialidades econômicas.
    Com esses referenciais e propósitos, aceitamos participar da atual gestão do prefeito Leonardo Rêgo. Mesmo com as limitações das funções assumidas – assessorias nas Secretarias da Educação e da de Governo – nos dedicamos para alcançarmos os objetivos propostos na campanha eleitoral de 2016.
    Contudo, estranhamente fomos exonerados no dia de hoje.
    O atual gestor confundiu os objetivos do nosso Partido. Assumimos com ele e a população uma plataforma que buscava fazer avançar o nosso município. Entretanto, outros fatores, em particular, a disputa eleitoral deste ano influenciou a decisão do atual Prefeito.
    O Partido, de uma forma transparente e com antecedência, comunicou que, em nível estadual, deliberou por apoiar e participar – na condição de vice-governador – da coligação liderada pela Senadora Fátima Bezerra. Não por coincidência, imediatamente após o resultado eleitoral do 1º turno em nossa cidade, a exoneração foi consumada.
    Portanto, fica nítido que a decisão do Prefeito se configura como um ato de intolerância e arrogância política.
    Fazemos esses esclarecimentos em nome da transparência e em respeito ao povo pau-ferrense.
    Pau dos Ferros, 09 de outubro de 2018
    Edielson Rêgo e Jerônimo Vidal (Giron), respectivamente, presidente e vice-presidente do PCdoB de Pau dos Ferros

  2. Aparecida disse:

    Isso mostra que é difícil dialogar com o partido Democrata.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blog do Capote - Rio Grande do Norte - Todos os Direitos Reservados.