EIC

Pesquisar



10 de outubro de 2017

Em requerimento apresentado à Mesa Diretora da Assembleia Legislativa, a deputada estadual Márcia Maia (PSDB) solicitou a realização de um mutirão para emissão de documentos para as pessoas afetadas pelo incêndio no assentamento Santa Clara, parte do loteamento Leningrado, no bairro Planalto. O requerimento foi encaminhado ao governador Robinson Faria (PSD) e à titular da Secretaria do Trabalho, Habitação e Assistência Social, Julianne Faria.

“Muitos moradores não possuíam documentos e precisaram se cadastrar em programas, entrar em filas, receber visitas de assistentes sociais, até serem considerados aptos a participar do programa ‘Minha Casa Minha Vida’. Agora, com todos os documentos queimados, aquilo que mais assusta muitos dos moradores é ficar ainda mais distante dessa possibilidade”, justificou Márcia, referindo-se aos assentados que aguardam pelo imóvel.

O incêndio no assentamento deixou 108 desabrigados que perderam, além dos barracos onde moravam, pertences pessoais, incluindo documentos. Muitos deles aguardam a entrega de um imóvel no complexo habitacional no Guarapes, financiado pelo ‘Minha Casa Minha Vida’. A expectativa é que as famílias cadastradas sejam transferidas para a nova moradia até o final do ano.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blog do Capote - Rio Grande do Norte - Todos os Direitos Reservados.