Campanha - Detran
EIC

Pesquisar



12 de setembro de 2017

O deputado Carlos Marun (PMDB-MS) foi escolhido para ser o relator da Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) que investiga se houve irregularidades nas operações entre o grupo J&F e o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

“Sei que a minha indicação desagradou alguns membros da CPMI e do Parlamento. Isso não me causa surpresa. A política tem dois lados e um muro. Sempre fiz questão de ter um lado”, disse Marun ao assumir a relatoria. Ele afirmou se sentir “completamente independente” para o exercício da função.

O presidente do colegiado, senador Ataídes Oliveira (PSDB-TO), também criou duas sub-relatorias. O deputado Delegado Francischini (SD-PR) assumirá a sub-relatoria de contratos da JBS, englobando BNDES e BNDES-Par, e o deputado Hugo Leal (PSB-RJ) ficará com a sub-relatoria de assuntos fiscais, previdenciários e agropecuários.

O grupo J&F, dirigido pelos irmãos Joesley e Wesley Batista, controla o frigorífico JBS e outras empresas. A CPMI vai investigar as operações da holding com o BNDES ocorridas entre os anos de 2007 e 2016.

A comissão de deputados e senadores vai investigar também o acordo de colaboração premiada do Ministério Público Federal com executivos das empresas.

Agência Câmara

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blog do Capote - Rio Grande do Norte - Todos os Direitos Reservados.